Confira os lançamentos de junho e julho da Editora Leya @EditoraLeya

Clicando nas capas você compra os livros na Saraiva



Sinopse



LIVRO DO ANO 2014 DO THE GUARDIAN, THE NEW YORKER, THE ECONOMIST, CHICAGO TRIBUNE, ELLE, BOOKFORUM

Em seu primeiro romance, a americana Adelle Waldman surpreende os leitores e a crítica com uma história de rara maturidade e elegância sobre as relações do homem moderno com as mulheres, a cidade e consigo mesmo, e sobre como esse homem enxerga o amor e o sexo. Mostrando um talento extraordinário para se colocar na pele de um protagonista masculino, ela traça os altos e baixos da vida contemporânea através dos olhos de Nate, um escritor aspirante do Brooklyn em busca de felicidade e status, sempre atraído para novos casos amorosos, e quase sempre inclinado a abandoná-los.
Encontrando nos sentimentos, dúvidas e pensamentos do protagonista um incrível reflexo do que se passa diariamente na vida de todos nós, a autora dá vida a um dos personagens masculinos mais realistas da literatura americana recente.

“Adelle Waldman só pode ser Jane Austen desta geração”
- The Boston Globeway.

SOBRE A AUTORA:
Adelle Waldman é escritora freelancer e crítica literária. Trabalhou como repórter no New Haven Register e no Cleveland Plain Dealer, e escreveu uma coluna para o site do Wall Street Journal. Seus artigos também apareceram na New York Times Book Review, no New Republic Slate, no Wall Street Journal e em outras publicações norte-americanas. Ela vive no Brooklyn, Nova York, com o marido, o escritor Evan Hughes.




Sinopse

O mesmo autor de Clube da Luta apresenta um retrato afiado do feminismo, do prazer sexual e do apocalipse do marketing em uma nova narrativa sobre as psiques desconjuntadas de homens e mulheres contemporâneos. Penny Harrigan é uma jovem recém-formada em Direito que trabalha no maior escritório de advocacia de Manhattan. Vinda do meio-oeste, ela mora em um apartamentinho no Queens com duas colegas e há tempos não tem nem sinal de vida amorosa. Por isso, imagine o choque que leva quando C. Linus Maxwell – ou “ClíMax”, o megabilionário famoso por casos com as mulheres mais lindas e cobiçadas do planeta – a convida para jantar? Pois ele não só a leva ao restaurante mais badalado de Nova York, como também a uma cobertura em Paris onde, caderneta à mão, começa a conduzi-la por dias e dias de ápices insonháveis de prazer orgásmico. Vai reclamar? Sim: Penny descobre que é a cobaia na etapa final de pesquisa e desenvolvimento da Beautiful You, uma linha de apetrechos sexuais que serão vendidos às mulheres do mundo todo numa cadeia multinacional de lojas. Milhões de mulheres fazem fila para abastecer-se do catálogo de aparelhinhos, tão potentes e eficazes que, por todo o globo, elas chegam em casa, trancam-se no quarto e não saem mais – a não ser quando precisam de pilhas. Alguém precisa deter o plano de Maxwell de dominar o mundo usando o prazer erótico. Mas como?

“Chuck Palahniuk anda com sexo na cabeça (...) Mas não estamos falando de 50 Tons de Cinza. Clímax é praticamente um dedo do meio para a mommy porn e para a fama do erotismo moderno – e, ao mesmo tempo, uma sátira esperta sobre misoginia, fama, moda, autoajuda e ciência.” – USA Today

“Palahniuk continua a extrapolar os limites nesta sátira sobre sexo e consumismo.” Publishers’ Weekly

“Surpresa e diversão genuínas.” – The Times



Sinopse

Victor Mancini concebeu um golpe complexo para pagar as contas na casa de repouso da mãe: vá a um restaurante grã-fino, finja que se engasga comendo e deixe uma pessoa “salvá-lo”; ela vai sentir-se responsável por você, até financeiramente, pelo resto da vida. Multiplique isso umas cem vezes que os cheques vão chegar pelo correio em fluxo constante. Victor também trabalha num parque temático com um bando de figuras medíocres, ronda grupos de viciados em sexo para curtir as viciadas e visita a mãe convalescente, cujo Alzheimer esconde um segredo fantástico sobre sua concepção. 

“No Sufoco é Clube da Luta para os sexólatras.” – Independent on Sunday.

“Um escritor maravilhoso com uma visão crua dos males contemporâneos” – The Face

“Um livro bruto e essencial, pontuado por momentos de absurdo e bizarro” – New York Times

“Palahniuk demonstra mais uma vez a fé no dogma de que, para as coisas ficarem melhores, primeiro elas têm que piorar, e piorar muito” – Publishers’ Weekly



Sobre o autor: 


CHUCK PALAHNIUK é autor de treze livros, que juntos venderam mais de cinco milhões de exemplares só nos Estados Unidos. Pela editora LeYa, além de Clímax, Chuck publicou os livros: Clube da luta (2012), transformado em um filme dirigido por David Fincher; Sobrevivente (2012), Condenada (2013), Maldita (2014) e No sufoco (2015). O escritor mora no noroeste dos Estados Unidos.





Sinopse


O livro que já foi lido por milhões vai agora ser colorido por você.
A história, o mundo inteiro conhece… Com o avião em pane, um homem perdido no deserto encontra um garotinho que diz vir de outro planeta. Ele conta suas histórias e fala da saudade de sua querida rosa. E em cada conversa é como se ele estivesse se dirigindo à criança que vive em cada um de nós.
É por isso que O Pequeno Príncipe atravessa gerações sem perder seu encanto. Uma obra-prima da literatura mundial chega agora às suas mãos em uma versão editada que privilegia a filosofia por trás da história e estimula a leitura por crianças de todas as idades. O Pequeno Príncipe atravessa gerações sem perder seu encanto. Deixe-se conquistar você também!




Sinopse

Quarto volume de A Guerra dos Tronos, adaptação fiel em quadrinhos da saga As Crônicas de Gelo e Fogo de George R.R. Martin.

A morte do rei Robert Baratheon e a prisão da Mão do Rei, lorde Eddard Stark de Winterfell, pôs as grandes casas de Westeros em guerra. Em Winterfell, o filho mais velho e herdeiro de Eddard, Robb Stark, reuniu um exército e está avançando para o Sul, determinado a libertar seu pai. No caminho ele se oferece para casar-se com a filha do lorde Walder Frey em troca de uma vantagem militar que lhe permita capturar Jaime Lannister – poderosa moeda de troca para assegurar a libertação em seguran- ça de lorde Eddard. Mas uma coisa é capturar o Regicida, e outra bem diferente é mantê-lo capturado. 

Enquanto isso, em Porto Real, o jovem rei Joffrey tem ideias distintas de uma troca de prisioneiros. Ignorando o conselho de sua mãe, rainha Cersei, ele incita o conflito e inicia uma conflagração que tem tudo para consumir não apenas os Stark, mas toda Westeros – a menos que Tyrion Lannister consiga trazer o jovem rei de volta à razão. Além da Muralha, perigos ainda maiores estão nascendo, à medida que um inverno tão brutal quanto nunca visto se aproxima, trazendo consigo criaturas monstruosas. Lá, o bastardo de Eddard, Jon Snow, precisa decidir de uma vez por todas a quem é fiel. E, do outro lado do Mar Estreito, Daenerys Targaryen vai conhecer os limites do luto – e imergir de suas profundezas transformada, endurecida, e pronta para reivindicar o que é seu por direito: o Trono de Ferro.


Clique na capa abaixo e 
compre o livro na Amazon

Nenhum comentário

Postar um comentário

© BLOG CLÃ DOS LIVROS- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por